Preço das ações da Tesla cai depois de pesquisa de Elon Musk no Twitter

As ações da Tesla caíram 4,9% depois que usuários do Twitter votaram a favor da venda de 10% da participação de Elon Musk na fabricante de automóveis elétricos, a fim de pagar impostos.

Musk perguntou a seus seguidores do Twitter se ele deveria vender as ações e, 58% das 3,5 milhões de contas que votaram, disseram que ele deveria vender.

Com isso, ele iria dispor de quase US$21 bilhões em ações.

O bilionário realizou a pesquisa durante o fim de semana, como forma de resposta a um “imposto bilionário” proposto pelos democratas americanos.

Musk, que é uma das pessoas mais ricas do mundo, prometeu que cumpriria com os resultados da pesquisa, “seja qual fosse o resultado”.

Os democratas haviam proposto projetos que atingiriam os bilionários por meio da taxação de seus ativos, como por exemplo, as ações.

Esse grupo de pessoas é frequentemente compensado por meio das ações, o que significa que a riqueza de cada um aumenta ou diminui, dependendo do preço delas. Mas eles só pagam impostos sobre os ganhos, quando as ações são vendidas.

Musk tem um grande número de opções de ações que devem expirar no próximo ano. Para poder exercê-las, o bilionário teria que pagar uma boa soma de impostos.

10% equivaleria a US$21 bilhões

Em 30 de junho, a participação de Musk na Tesla chegou a aproximadamente 170,5 milhões de ações e a venda de 10% seria o equivalente a US$21 bilhões, se tivermos como base os preços do valor de fechamento de sexta-feira.

O chefe executivo, que atualmente detém uma participação de 23% na Tesla, ainda não comentou publicamente o resultado da pesquisa no Twitter.

Musk disse no Twitter que ele não recebe salário ou bônus de nenhuma de suas empresas, o que significa que ele não tem nenhum ganho pessoal que justificasse a obrigatoriedade de pagar imposto de renda.

“Elon Musk não gosta de fazer as coisas de forma convencional e, portanto, fazer uma pesquisa no Twitter sobre se ele deve vender 10% de sua participação na Tesla pode parecer loucura, mas podemos dizer que isso é um comportamento normal para ele”, disse Russ Mould, diretor da AJ Bell Investment.

Mould disse que a situação era um “convite aberto aos vendedores para apostarem que as ações iriam cair”, o que geraria lucro, se, de fato, as ações caíssem de preço.

A Comissão de Valores Mobiliários (SEC), o órgão regulador dos EUA, recusou-se a comentar.

Análise

Com esta última proeza no Twitter, Musk parece ter como objetivo um plano democrata para aumentar os impostos sobre os mais ricos dos Estados Unidos.

O projeto, lançado no início deste ano, mudaria a maneira como os americanos são tributados, mas só seria aplicado a um grupo de 700 indivíduos, os mais ricos dos EUA, o que inclui Elon Musk.

Normalmente, as pessoas que são muito bem abastadas mantêm seu dinheiro na forma de ativos como ações de suas próprias empresas, e só pagam impostos se as venderem. Eles podem emprestar dinheiro usando esses ativos como garantia, evitando os níveis de impostos que a maioria das pessoas comuns paga.

O projeto propôs a cobrança de impostos com base no quanto esses ativos tinham aumentado de valor, mesmo que não tivessem sido vendidos, conhecidos como “ganhos não realizados”.

Mas foi posto de lado, por enquanto, depois que alguns senadores democratas discordaram.