Conheça as principais profissões do mercado financeiro

Trabalhar com muito dinheiro não é algo reservado exclusivamente aos grandes gestores de empresas multinacionais ou aos ministros de governo que desempenham funções estratégicas relacionadas ao desenvolvimento econômico do país. Conheça a seguir algumas das principais profissões relacionadas ao mercado financeiro e fique por dentro das posições que têm estado em alta nos últimos anos.

Planejador Financeiro

Assim como o nome sugere, esse profissional é responsável por fazer a organização financeira de seus clientes, de acordo com os objetivos e necessidades de cada um. A CVM (Comissão de Valores Mobiliários) não exige nenhum tipo de licença profissional para que a pessoa seja um planejador financeiro. Apesar disso, esse profissional precisa de bons conhecimentos sobre finanças e contabilidade, além da certificação CFP (Certified Financial Planner).

Gestor de fundos

Por ser uma das posições mais altas dentro do mundo dos investimentos, esse profissional de nível sênior é o responsável pelas decisões relacionadas à alocação de fundos de investimento. Já que esse profissional tem uma atuação mais específica, é necessário que os interessados direcionem suas carreiras para este objetivo. Além disso, todos que desejam ocupar esse cargo algum dia devem tirar a certificação CGA (Certificação de Gestores ANBIMA).

Bancário

Talvez a mais tradicional das profissões listadas neste artigo, o bancário é o profissional que atua em instituições financeiras, realizando atividades administrativas e comerciais. Para conseguir melhores posições dentro das agências bancárias, esse profissional necessita de formação específica, além de certificações como: CPA 10, CPA 20 e CEA.

Analista de Investimentos

Este profissional é o responsável por orientar os seus clientes (físicos ou jurídicos) a tomarem as melhores decisões relacionadas aos investimentos. Além disso, é também atribuição do analista de investimentos procurar boas oportunidades de negócio. Para se tornar um desses profissionais, é preciso tirar uma das certificações CNPI (Certificado Nacional do Profissional de Investimento), além de fazer uma prova de Conteúdo Brasileiro (CB).

Trader

Talvez associado diretamente à ideia popular, espalhada pelos filmes, do rapaz que fica à frente de um computador olhando para várias telas com gráficos bastante complicados, o trader é aquele que pode trabalhar de forma autônoma ou não e que geralmente faz aplicações de curtíssimo prazo. A profissão é conhecida pela possibilidade de lucros altíssimos, assim também como a possibilidade de perder muito dinheiro de uma só vez. Essa profissão está totalmente associada à renda variável e exige um ótimo conhecimento técnico.

Analista de Private Equity

Dentre as atribuições deste tipo de profissional está a análise de empresas que podem se tornar futuros investimentos. Para se tornar um analista de private equity é necessário possuir excelente capacidade analítica, além de conhecer a fundo as empresas estudadas. Além disso, é requerida a certificação CFA (Chartered Financial Analyst Qualification). 

Economista

Sendo uma das profissões mais bem conhecidas dentre as citadas, o economista pode desempenhar atividades bem específicas como a análise de indicadores macro e microeconômicos. Por se tratar de uma posição analítica, outros profissionais se beneficiam das informações apresentadas pelo economista que, além do que já foi citado, precisa ter uma comunicação bem clara e objetiva.

Consultor Financeiro Pessoal e Empresarial

Por se tratar de um trabalho de consultoria, esse profissional é responsável por resolver problemas que surgirem inesperadamente, além de se esforçar para evitá-los. Além disso, o consultor financeiro pode ajudar a tirar as pessoas das dívidas, assim como fazer planejamento financeiro junto aos clientes, a fim de multiplicar os seus patrimônios.

Analista Financeiro

Esse profissional é contratado pelas empresas a fim de identificar as melhores soluções para os processos financeiros dentro da companhia. Dentre as atribuições do analista financeiro estão: recebimento de montantes, pagamento de impostos, análise do fluxo de caixa e projeções de lucro. Esse profissional pode trabalhar no setor privado, público, ONGs, dentre outros segmentos.

Analista Contábil

A função do analista contábil dentro de uma empresa está vinculada ao controle das finanças do negócio. Para isso, esse profissional analisa os gastos e o lucro dentro de um certo período, a fim de garantir bons números. Além disso, são atribuições desse profissional: organizar recibos e comprovantes, acompanhar processos de auditoria, elaborar relatórios e balanços, dentre outras coisas. 

De certa forma, também é necessário que o analista contábil tenha conhecimentos de leis fiscais e de tributação. Caso tenha interesse em se tornar um desses profissionais, saiba que há algumas exigências, tais quais: ter registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC), além de seguir o Programa de Educação Profissional Continuada (PEPC) do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).

Vantagens ao trabalhar no mercado financeiro

Fazer parte de um mercado que oferece muitas oportunidades, além da possibilidade de crescimento são fatores primordiais na hora de decidir por uma profissão. Seguindo esta lógica, trabalhar no mercado financeiro é uma opção que muito provavelmente dará aos seus futuros integrantes a chance de crescimento e satisfação pessoal.

Em relação a salários, a área oferece as melhores vagas no quesito remuneração. Apesar disso, é importante reforçar a necessidade de uma formação sólida por meio das certificações oferecidas pelos órgãos do setor, além de comprometimento com a carreira escolhida.